Sábado, 2 de Fevereiro de 2008

# 015

O jornal Sol teve a péssima ideia de lançar uma colecção de “clássicos portugueses contados às crianças”. Se os lerem, as crianças vão ficar a saber todas as histórias. O interesse em lê-los, no futuro, desaparecerá, claro. Imaginem as horas de prazer que lhes estão a roubar. Entre as obras adaptadas contam-se Os Maias, Amor de Perdição e Frei Luís de Sousa.

sinto-me: estupidificada
música: Wannabe- Spice Girls
publicado por miss_crash às 23:03
link do post | favorito
De Luz a 4 de Fevereiro de 2008 às 12:13
Estou à guerra com o meu cérebro...
Por um lado acho que tens razão, por outro acho que não vai funcionar em todos da mesma forma, pois mais tarde vão descobrir que as obras não são só aquilo.
O que me deu mais prazer no Eça, por exemplo, foi a crítica, o realismo. A crítica focada à alta sociedade é uma delícia, retratando exactamente o que eles sempre foram.
Acredito que eles depois vejam as obras desta forma ou de outras semelhantes.
Por outro lado já se faz tudo em série e/ou em filme. Há filmes que existem em livro e nunca os deixei de ler por isso.
É dual.

beijo
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.posts recentes

. # 017

. # 016

. # 015

. # 014

. # 013

. # 012

. # 011

. # 010

. # 009

. # 008

. # 007

. # 006

.arquivos

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds